© Rafael Peixoto

Sobre
 

Sou um publicitário, roteirista e diretor inquieto, apaixonado por musicais e filmes que gotejem sangue. Gosto de observar as pessoas e capturar suas falas e suas histórias reais. Sou um péssimo piloto de parapente e de ultraleve e um velejador pior ainda, mas toco um violão... Tenho quatro filhos maneiríssemos e uma mulher incrível que me enchem de histórias.

Contato
 

Chega mais, manda suas duvidas, dá um fodeback - aqueles feedbacks que deixam a gente putaço mas que melhoram sempre o que a gente faz -, enfim, manda ver o que você quiser. Prometo responder rapidinho!

  • Facebook Basic Black
  • Black LinkedIn Icon
  • Twitter Basic Black
  • Black Instagram Icon
Seja um Parceiro
 

Quer patrocinar este blog e ver sua marca aqui? Chega mais! Manda um email para rafael@wikishows.com.br

1/2

Wikishows Publicidade, Marketing e Gerenciamento de Projetos de Comunicacão, Culturais e Esportivos LTDA

Av. Rio Branco, 26, SBL, Conjunto 99, CEP 20090-001, Rio de Janeiro (RJ) / CNPJ 13.468.476/0001-01

Search

10 mandamentos do roteirista para ter trampo a vida toda

Updated: Mar 30, 2018

Vender seu primeiro roteiro é ótimo, mas continuar sendo contratado para escrever é uma arte que exige sacrifícios e garganta de ferro



Estes são os dez mandamentos do roteirista que quer ter trabalho por toda a vida:


1. Nunca fure um prazo


Se a produtora te exigir um prazo que vc não conseguirá cumprir, seja sincero e diga que não dá conta. Uma produtora perdoa um roteirista bom, mas lento, desde que ele seja honesto. Mas nunca perdoa um cara que fura o prometido.


2. Jamais fale mal publicamente dos trabalhos dos outros


Ainda mais se você não está estabelecido ainda. O meio é miúdo, um produto ruim tem o dedo de muita gente, ninguém é obrigado a acertar sempre e pode ser que o produtor daquele filme que vc detonou no Facebook vire o diretor artístico da HBO amanhã.


3. Nunca entregue um tratamento ruim


Mesmo que a pressão seja muita, não entregue um produto que não reflita o seu melhor.


4. Guarde seus melhores projetos para seus melhores parceiros


Faça uma hierarquia das produtoras parceiras e reserve seus melhores projetos para que os primeiros da lista deem uma olhada antes dos outros. Eles vão agradecer a deferência.


5. Contrato bom é maneiro para todos, e não só para você


Brigue para que seus contratos resguardem seus interesses, mas não seja draconiano. Negócio tem que ser bom para todos, e não só pra você. Até porque no início você provavelmente é o elo mais fraco da corrente e ser pentelho nessa hora atrapalha por toda a vida.


6. Nunca, jamais seja desonesto ou cachorro


Desonestidade é caixão e vela preta. Não seja cachorro com ninguém.


7. Nunca entregue um projeto na mão de uma produtora ou canal sem ter a mais absoluta certeza de que os dois têm o mesmo DNA


Tem muito roteirista que reclama porque é tungado sempre pelas produtoras e canais, mas não percebe que seu projeto é inadequado para o player com quem negocia. Use a internet e conheça a produtora/canal com quem você está negociando e não leve seu drama pesadíssimo para aquela produtora que só faz comédia.


8. Sempre ofereça seu conhecimento


Compartilhar com quem está começando e até mesmo com quem já está consolidado é essencial. A lei do retorno é forte nesse meio.


9. Não seja mala


O timing de fechamento de um projeto é em média de um ano a dois. Um e-mail por mês pra mostrar que ainda está vivo já basta, ligações incessantes te queimam.


10. NUNCA, JAMAIS SE FAÇA DE VÍTIMA DO SISTEMA


Isso é um saco. A culpa da sua vitória ou do seu fracasso é sua e de mais ninguém.


Quer saber mais? Não deixe de ler estes posts:


- Livros que todo roteirista deve ler (essencial para iniciantes!);

- Como se tornar um roteirista (para quem quer fazer transição de um hobbie para uma profissão);

- 10 Dicas para aguçar a criatividade (travou? bloqueio criativo não é desculpa, veja como se livrar desse impasse).


Acompanhe todos os posts do blog aqui.


E, finalmente, encontre aqui material de estudo para sempre se qualificar cada vez mais (exige cadastro).

379 views